quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Dúvidas: Dízimo


"Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes." (Malaquias 3:10)
Quem "inventou" o dízimo?
O dízimo foi instituído por Deus para que houvesse mantimento em Sua obra e para provar a fidelidade de seu povo.

Onde está escrito que preciso dar 10% de dízimo? Não posso dar outro valor?
A palavra dízimo, no original "malaser" significa 1/10 (um décimo), ou seja, 10%. Portanto, dízimo sempre será 10%. Nem mais nem menos.

Biblicamente falando, o dízimo é opcional ou obrigatório?
Biblicamente falando ele é OBRIGATÓRIO. No livro de Malaquias 3:8-10, Deus diz que o povo lhe tem roubado nos dízimos e nas ofertas. Isso quer dizer que todos os dízimos são dEle.
Também, em Levítico 27:30-32, Deus dá o mandamento para devolverem a dízima (1/10) das colheitas e das crias, assim como, no decorrer do capítulo, a dízima de tudo o que for primícia ou primogênito.

Posso devolver o dízimo a mais?
Dízimos são a primeira parte de dez. O que passar disso é considerado oferta, e não dízimo.

É necessário devolver primeiro o dízimo antes de pagar as contas?
Sim. Deus pede as primícias da nossa renda, ou seja, ele quer ser CONSIDERADO. Ele quer ser o PRIMEIRO na nossa vida. (Provérbios 3:9)
Economicamente não vai fazer diferença, aos olhos humanos devolver primeiro o seu dízimo, ou depois, mas espiritualmente, vai fazer toda a diferença.

Tenho mais de uma fonte de renda. Como faço para devolver o dízimo? Posso devolver de uma só e a outra ficar comigo?
O dízimo deve ser tirado de TUDO O QUE PASSA PELAS NOSSAS MÃOS - TODOS OS DÍZIMOS. (Malaquias 3:10)
Não importa quantas fontes de rendas a pessoa tenha. Se ela é fiel nos seus dízimos, vai tirar o dízimo de tudo.

Sou assalariado, e sempre tenho descontos na minha folha de pagamento. Como devo tirar meu dízimo?
Do salário bruto, que é o valor total da sua folha de pagamento (holerite). Todos aqueles descontos (INSS, vale transporte, plano de saúde, etc...) São benefícios que você recebe, portanto, fazem parte do seu salário.
Outros benefícios, como vale alimentação, abono, 13°, que não são inclusos na folha de pagamento também devem ser dizimados.

Fiz um emprestimo. Devo tirar o dízimo desse valor?
Não. O dinheiro do empréstimo não é seu, e de alguém ou do banco que você irá pagar. Quando você pagar as parcelas desse emprestimo, estará pagando com o dinheiro dizimado. Caso você GANHE o dinheiro, aí sim deve tirar o dízimo.

Sou empresário, lojista ou comerciante. Como devo tirar meu dízimo?
São dois dizimos: o pessoal e o empresarial.
Você e sua empresa devem ser dizimistas. São pessoas diferentes. (Pessoa fisica e pessoa jurídica).
O empresário, lojistas, comerciante, normalmente tem um pro-labore, que é um valor que retira mensalmente ou semanalmente para suas despesas pessoas e para controle financeiro. Desse valor, o dízimo deve ser integral, como o de um funcionário.
A empresa é diferente. O dízimo dela deve ser tirado do LUCRO da empresa. Por isso é necessário um controle rigoroso nas finanças da empresa. Deve-se calcular os gastos e o faturamento. O que sobrar é o lucro. Desse lucro sai o dizimo.

Por exemplo:

Gastos mensais da empresa:

Despesas: 5.000,00
Pro-labore: 2000,00 - dizimo pessoal: 200,00

Total: 7.000,00

Faturamento da empresa no mês: 10.000

10.000,00
-7.000,00
Total: 3.000,00

Dizimo: 300,00

Se a despesa é maior q o faturamento, o dizimo deve ser tirado apenas do pro-labore.

E sobre Malaquias 3:10 onde diz que devo "fazer prova de Deus" se Ele não abrir as janelas dos céus?
Assim como o dízimo é uma obrigação, ele também nos traz promessas e direitos, portanto se você é dizimista fiel, e as coisas não estão acontecendo na sua vida, Ele nos dá direito de prova-lo! Exigir o nosso direito de dizimista e usarmos a nossa autoridade diante das adversidades! Não se trata de colocar Deus "contra a parede", mas mostrarmos para o problema e para o diabo que cremos nas promessas do Senhor.

Devorador, cortador, migrador e destruidor. O que são os gafanhotos?
São espíritos que atuam amarrando a vida do não dizimista. Eles agem consumindo tudo o que os infiéis produzem, no trabalho, na casa, nos projetos, etc.
Só há uma maneira de repreende-los. Sendo fiel em tudo.

Caso tenha mais alguma dúvida ou gostaria que falassemos sobre um desses casos detalhadamente, comente ou envie-nos um email!


Envie um e-mail para pregadoresdoev@gmail.com e tire suas dúvidas!

Nenhum comentário:

Leia também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...